vqc

NOTA: 9 / Adriele Pereira

Os manos me convidaram mais uma vez e (com muita alegria!) cá estou para falar sobre o filme dessa sitcom que conquistou a todos nós. Antes que você pense que vou falar sobre Friends novamente, já adianto que o assunto de hoje é sobre a comédia que tem todo um jeitinho brasileiro.

“Vai que Cola – O Filme” é uma hilária adaptação para as telonas do programa produzido e exibido pelo Multishow. Valdomiro (Paulo Gustavo) sofre um golpe na empresa a qual era sócio e perde todo o seu dinheiro e claro, a tão estimada cobertura no Leblon. Fugindo da polícia, ele se muda para o Méier e passa a morar na pensão de Dona Jô, onde ele entrega quentinhas e reclama constantemente do quanto ele não suporta o subúrbio e sente falta do glamour da zona sul.

Ok. Até aí nenhuma novidade.

Se você conhece o programa do Multishow, você está familiarizado com essa história. Mas o que a gente não esperava era que por uma série de acontecimentos, a pensão seria interditada pela polícia civil e devido a uma proposta do ex-sócio, Valdomiro iria recuperar a cobertura e consequentemente, levar toda a galera da pensão para morar com ele.

Agora imagina: Jéssica (Samantha Schmutz), Máicol (Emiliano D’Avila), Ferdinando (Marcus Majella), Seu Wilson (Fernando Caruso), Velna (Fiorella Mattheis) e Terezinha (Cacau Protássio) se mudando do Méier para o Leblon e prometendo causar muita confusão por lá! O filme também conta com algumas aparições e participações especiais de Daniele Suziki, Luana Piovani, Jonathan Haagensen, David Brasil, Jesus Luz e Kleber Toledo.

Embora eles estejam na cobertura, não é garantido que eles permaneçam por lá. E é aí que segundo o Valdo começa a “traminha”. Em todos os momentos do filme, Paulo Gustavo fala diretamente com o espectador, o que acaba por tornar a produção ainda mais engraçada.

Vai que Cola é, definitivamente, uma prova de que há esperança para a comédia na TV (e por que não no cinema?) brasileira já tão desacreditada com atrações do canal aberto como Zorra Total e Os Caras de Pau estrelados por Leandro Hassum e Marcius Melhem que lançaram ano passado um desastroso filme de mesmo nome.

O filme se propõe a ser fiel ao humor livre e, de forma espontânea, garante muita diversão a toda família. Sim, é um filme brasileiro que você pode assistir com os seus amigos, mas também com os seus pais e o seu irmão mais novo.

As tiradas e piadas são sensacionais. Eu continuava rindo mesmo quando todos na sessão já tinham parado de rir e não me preocupei em parecer um tanto retardada por isso. Porque as piadas são, de fato, muito boas. Além disso, o roteiro de Luiz Noronha (produtor de 2 Filhos de Francisco) e Leandro Soares respeita a caracterização do programa, porém, há uma diferença de linguagem imprescindível para a narrativa do cinema.

Uma breve curiosidade procês: O trailer de “Vai Que Cola – O Filme” se tornou um fenômeno nas redes sociais Na página oficial do Multishow, o trailer teve mais de 1,3 milhão de visualizações. Somados com os números oficiais do YouTube, o trailer alcançou mais de 2 milhões de visualizações em APENAS 24 horas. Então, você já pode ter uma noção do sucesso que será quando chegar às telonas na próxima quinta, dia 01 de outubro. Garanta seu ingresso e se divirta bastante!

Anúncios