maxresdefault

NOTA: 8 / Colaboração de Esperanza Mariano

Apesar de S.O.S Mulheres ao Mar (2013) ter terminado com um final conclusivo e sem precisar de continuação, o sucesso de bilheteria brasileiro fez com que o a produção e elenco se reunissem novamente no início desse ano para gravar uma sequência. O resultado, felizmente, superou o primeiro filme e divertiu ainda mais o espectador.
Dirigido por Cris D’Amato, S.O.S Mulheres ao Mar 2 tem seu início focado no relacionamento de Adriana (Giovanna Antoneli) e André (Reynaldo Gianecchini). Após o “felizes para sempre” do casal, a protagonista se torna uma escritora de sucesso e André continua sua carreira como estilista. Dessa vez, o galã irá lançar sua nova coleção de roupas dentro de um cruzeiro e a modelo principal é sua ex-noiva. Adriana, que antes não poderia comparecer ao lançamento, tem uma crise de ciúmes  e no último momento decide ir atrás do namorado.

O filme, então, finalmente reúne o trio Adriana, Dialinda (Thalita Carauta) e Luiza (Fabiula Nascimento), e a sala de cinema é tomada por risadas. Apesar da personalide extremamente ciumenta de Adriana ser quase insuportável e super exagerada (quem aguenta tanto drama em um relacionamento?), ouso dizer que Giovanna Antoneli está no melhor momento de sua carreira. Mas quem rouba a cena, no entanto, é Dialinda. A antiga empregada de Adriana se mudou para Miami, nos Estados Unidos, e agora está em busca sua permanência no país. As cenas feitas por Thalita Carauta são tão espontâneas e engraçadas que é impossível não se divertir.

Filmado em Miami, Orlando, Cancún, Yucatan e Rio de Janeiro, o único pecado do filme talvez seja o merchandising descarado. Mas é fácil ignorar a propaganda e curtir um filme bem feito e humorado, com atuações divertidas e competentes.

Anúncios